ACE | Rede Globo se junta à Netflix, HBO, Amazon e outras empresas para combater a pirataria



Os recentes episódios do roubo e vazamento da última temporada de Orange is the new Black, e do pedido de resgate de Piratas do Caribe: A Vingança de Salazar, foram o estopim para as empresas de entretenimento. Na última terça-feira (13) foi criada a ACE – Alliance for Creativity and Entertainment, uma aliança formada por 30 produtoras de conteúdo combater a pirataria.

Entre as empresas estão a Fox, Netflix, Amazon, HBO, Warner, Disney e até a Rede Globo. Em a um comunicado divulgado à imprensa, a aliança diz que seu objetivo é unir forças ao redor do mundo para barrar a pirataria.


O mercado legal de conteúdo criativo cresceu de forma exponencial, já que as empresas de cinema e televisão investiram fortemente em modelos de distribuição digital. Atualmente, existem mais de 480 serviços online em todo o mundo disponíveis para que os consumidores vejam filmes e programas de televisão legalmente sob demanda”, disse o comunicado ACE.

Além de troca de informações entre as empresas, o grupo vai trabalhar para que as leis de punição para quem divulga materiais pirateados sejam mais severas.

Ainda não foi divulgado como eles pretendem lutar contra o crescente o mercado de pirataria, que só no último ano tiveram cerca 24 bilhões de visualizações, mas garantiram que vão trabalhar com as autoridades do mundo todo.
As companhias da ACE vão utilizar a expertise de seus membros, realizar pesquisas e trabalhar ao lado das autoridades”, completou a nota.

Postar um comentário

0 Comentários